Airbus A380: o maior avião comercial do mundo está no Brasil

Aniversário de um mês de operação regular no Brasil do maior avião de passageiros do mundo — o Airbus A380. Ao invés de bolo, o Rivotravel preparou uma matéria sobre este que veio para tirar o reinado do Boeing 747 no quesito grandeza.

 

O novo campeão

 
 Foi bom enquanto durou, Boeing 747, mas desde 2007 o maior avião comercial do mundo é o Airbus A380

Foi bom enquanto durou, Boeing 747, mas desde 2007 o maior avião comercial do mundo é o Airbus A380

 

Quando foi lançado comercialmente, em 1970, o Boeing 747 encantou o mundo com sua capacidade de transportar cerca de 460 passageiros em sua configuração em três classes: primeira, executiva e econômica. Voando e sendo renovado até hoje (a última versão, a 800, foi entregue em 2012 para a alemã Lufthansa), o 747, ou Jumbo, também é conhecido entre os amantes da avião pelo fechativo e merecido apelido de Queen of the Skies (Rainha dos Céus). Mas como todo reinado, o recorde de capacidade do  747 também teve sua derrocada: a entrada em operação, em 2007, do Airbus A380, produzido pela concorrente europeia da empresa norte-americana Boeing. A “nova soberana” é 40% maior que o Jumbo por conta de sua peculiar e mais marcante característica: enquanto a Rainha dos Céus tem apenas o cocoruto (um segundo pavimento na parte frontal, onde também está localizado a cabine de pilotos), o A380 possui um segundo andar completo, de cabo a rabo. E várias novidades, como chuveiros à disposição de quem viaja na primeira classe.

 

A380 — o "superjumbo"

 

Video de apresentação do A380, da empresa europeia Airbus

 

O modelo da Airbus — apelidado de Superjumbo —oferece diversas configurações de cabine, podendo chegar a inacreditáveis 853 passageiros em uma única classe econômica.  As primeira unidades do avião configurada apenas em classe econômica (ou seja, dois andares de aperto) foram em 2009 para a Air Austral, uma companhia da paradisíaca ilha Reunião (pertencente à França) situada no Oceano Índico. Oitocentas e cinquenta e três pessoas (mais 20 tripulantes) confinadas dentro de uma lata voadora. Sim, altamente tecnológica e linda, mas não deixa de ser uma lata voadora (que é como meu cérebro panicado classifica todas as aeronaves). Mesmo assim, a Airbus garante que, em caso de emergência, a evacuação total de todos os seres vivos é feita em até 80 segundos (esqueçamos os pobres animais transportados no compartimento de cargas).

Isso me faz pensar: qual o próximo limite a ser quebrado pela indústria aeronáutica em termos de capacidade de transporte? Três andares? Mais de 1000 passageiros?

 

Gigante no Brasil

 
 Voo inaugural da Emirates com o A380 para o Brasil

Voo inaugural da Emirates com o A380 para o Brasil

 
 

São Paulo é a primeira cidade da América do Sul a receber voos regulares do Airbus A380. Clique na foto para ampliar e saiba por onde mais o Superjumbo anda

 

E finalmente o enorme avião chegou ao Brasil, em seu primeiro voo comercial para o aeroporto de Guarulhos, em São Paulo. O A380 já havia pousado em solo brasileiro antes, em um voo experimental de exibição — da Emirates, em 2015 — e na ocasião das Olimpíadas do Rio de Janeiro (2016), quando a Air France mandou um de seus modelos para vir buscar os atletas do país. Mas agora, no dia 26 de março de 2017, o “bichão” chegou para valer, em um voo regular, também da Emirates — melhor companhia aérea do mundo em 2016 pelo ranking Skytrax World Airline Awards —, coincidindo com o último voo da rival Etihad Airways, que deixou de operar em nosso país. Com sua tradicional primeira classe maravilhosa, porém brega pra caramba, na minha opinião (acho que preciso ver ao vivo pra mudar de ideia… cuidado com os olhos ao ver as fotos) e contando com invejável wi-fi para todos os passageiros e telas individuais de entretenimento com mais de 2.600 canais de filmes, programas de TV e música, a companhia aérea dos Emirados Árabes Unidos chega ao Brasil com a oferta de 491 lugares em três classes, mas já com planos de trazer em dezembro uma configuração de cabine do A380 que comporta 517 passageiros. Nos últimos anos o aeroporto de Guarulhos passou por reformas e teve uma de suas pistas alargadas, de 45m para 60m, para poder comportar o Superjumbo — assim como o menor, mas ainda grandão Boeing 747-800.

 
 Classe Econômica do A380 da Emirates

Classe Econômica do A380 da Emirates

 
 
 Classe Executiva do A380 da Emirates

Classe Executiva do A380 da Emirates

 
 
 Cabine individual na first class do A380 da Emirates

Cabine individual na first class do A380 da Emirates

 
 
 First class do A380 da Emirates: profusão de dourado e gosto duvidoso (eu avisei)

First class do A380 da Emirates: profusão de dourado e gosto duvidoso (eu avisei)

 
 
 A first class tem chuveiros, mas apenas 5 minutos de água por passageiro

A first class tem chuveiros, mas apenas 5 minutos de água por passageiro

 
 
 A first class e a executiva possuem bares exclusivos para os passageiros

A first class e a executiva possuem bares exclusivos para os passageiros

 

O voo inaugural do Airbus gigante teve direito, é claro, ao tradicional batismo com jatos-d’água de caminhões-pipa do Corpo de Bombeiros, como ocorre no mundo todo sempre que há uma “estreia” (nova companhia, nova rota ou nova aeronave); além de ampla cobertura da mídia especializada e dos amantes do tema, que não se cansaram em postar fotos e vídeos do momento histórico. Se eu gostaria de voar num avião desses? Mas é LÓRRICO! Morrendo de medo, sempre.